sexta-feira, 29 de maio de 2020

Trump anuncia rompimento dos EUA com a OMS e acusa entidade de conluio com a China

O presidente americano, Donald Trump, disse nesta sexta-feira que está encerrando relações com a Organização Mundial da Saúde (OMS) e que vai realocar financiamento antes destinado ao órgão a outras iniciativas.

Para Trump, a OMS foi “pressionada” pela China para dar direcionamentos errados ao mundo sobre o novo coronavírus, causador da Covid-19.

“O mundo está sofrendo agora como resultado dos malfeitos do governo chinês”, disse Trump.

O rompimento com a OMS vem em meio a uma série de desentendimentos entre o organismo e os EUA. Em abril, Trump anunciou a suspensão da verba à entidade — mas ainda não havia terminado as relações, como ocorreu nesta sexta.

O presidente americano também acusou a China de estar à frente das decisões da OMS.

“O mundo precisa de respostas da China sobre o vírus. A gente precisa de transparência”, defendeu.

(República Curitiba)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More