sexta-feira, 19 de junho de 2020

Erro no iFood exibe endereço, CPF e pedidos de outros usuários

Empresa afirma que não houve hack em sua plataforman e que o bug foi provocado por um problema de atualização.
Usuários do aplicativo de entrega de comida iFood relatam nessa sexta-feira, 19, problemas na plataforma. A principal reclamação era de que na aba de pedidos, havia informações erradas. Os dados seriam de outras entregas, feitas para endereços diferentes daqueles que os usuários haviam cadastrado.

As principais reclamações eram de que pedidos não realizados apareciam na conta e que dados de outras pessoas, incluindo nomes, CPF, endereços e quatro digitos finais do cartão de crédito, eram exibidos no lugar das informações do dono da conta.

Não se sabe a extensão do problema e quantos usuários foram atingidos, nem se o bug se limita ao aplicativo para smartphone ou se afeta também a versão web do iFood.

Em nota, o iFood afirma que não houve hack em sua plataforman e que o bug foi provocado por um problema de atualização e durou cerca de 30 minutos. A empresa também frisa que não foi possível realizar pedidos em contas de terceiros e que os dados de cartão de crédito não sofreram vazamento.

“Durante esse breve período, o sistema exibiu dados pessoais dos usuários de maneira aleatória. A empresa reforça que, ainda assim, não foi possível que clientes fizessem pedidos por outras pessoas ou acessassem contas de terceiros. A empresa esclarece que os meios de pagamento ficam gravados apenas nos dispositivos dos próprios usuários, e não são armazenados nos bancos de dados da plataforma. Dessa forma, os dados referentes a esses cartões não sofreram qualquer vazamento”, diz a nota.

A companhia afirma que, por precaução, a plataforma deslogou os usuários impactados e que eles estão sendo comunicados do ocorrido.

O problema no iFood levanta preocupações de privacidade, já que dados pessoais como endereço residencial, de trabalho e cartão de crédito para pagamento online são salvas no aplicativo.

Não foi confirmado se informações de pagamento chegaram a ser expostas com o bug de “troca de contas no iFood”, mas alguns usuários no Twitter recomendam que as pessoas deletem dados sensíveis do aplicativo, como os números de cartão de crédito, que ficam salvos na carteira do iFood.

(Diário do Poder)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More