segunda-feira, 6 de julho de 2020

Polícia cumpre mandados sobre divulgação de fotos íntimas

Grupo no WhatsApp foi criado para compartilhar imagens íntimas de meninas sem o consentimento delas.
A Polícia Civil do Ceará deflagrou, nas primeiras horas desta segunda-feira (6), uma operação para cumprimento de mandados de busca e apreensão em endereços de Fortaleza. A operação policial é fruto de investigação policial que apura crimes a partir de casos divulgados nas redes sociais com a hashtag #ExposedFortal. 

O trabalho investigativo é conduzido pelas delegacias de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (Dceca) e da Criança e do Adolescente (DCA), com apoio do Departamento de Proteção aos Grupos Vulneráveis (DPGV) e do Departamento de Inteligência Policial (DIP) da PCCE. Peritos da Perícia Forense (Pefoce) participaram da operação que resultou nas apreensões de celulares, computadores e HDs. 

O material foi recolhido dos imóveis alvos da operação e encaminhado para Pefoce para extração de informações e análise do conteúdo dos dispositivos. Para não comprometer o trabalho policial, mais detalhes serão passados em momento oportuno.

Repercussão

As denúncias ganharam força após a hashtag #ExposedFortal repercutir nas redes sociais. Segundo os relatos das vítimas, diversos rapazes criaram um grupo para compartilhar fotos íntimas (nudes) de meninas sem o consentimento delas. As denúncias na hashtag #ExposedFortaleza fez surgir denúncias semelhantes em outras cidades do Estado, como Sobral. 

Denúncia

A população pode contribuir com o trabalho da delegacia especializada repassando informações sobre crimes que tenha conhecimento. As denúncias podem ser feitas pelo número 181, o Disque-Denúncia da Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), ou para o número (85) 3101-2044 da Delegacia de Combate à Exploração da Criança e do Adolescente (Dceca). Em Sobral, as denúncias podem ser feita pelo telefone (88) 3677-4282 da Delegacia de Defesa da Mulher de Sobral. O sigilo e o anonimato são garantidos.

(Cnews)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More