domingo, 13 de setembro de 2020

Neymar é vítima de racismo, agride adversário e acaba expulso

Em partida entre Paris Saint Germain e Olimpique de Marseille, craque brasileiro foi chamado de macaco por jogador adversário.
Na tarde deste domingo, 13 de setembro, uma cena lamentável foi registrada no campeonato Francês. O craque brasileiro Neymar, do Paris Saint Germain, foi chamado de macaco por um jogador adversário do Olimpique de Marseille.

O brasileiro reclamou de ofensas racistas que teriam sido proferidas pelo zagueiro espanhol Álvaro González. Na etapa final, ele discutiu outra vez com o defensor e foi expulso. Na saída de campo, Neymar admitiu ter agredido o espanhol.

Pelas redes sociais, o jogador demonstrou indignação após a partida:

"VAR pegar a minha “agressão” é mole ... agora eu quero ver pegar a imagem do racista me chamando de “MONO HIJO DE PUTA” (macaco filha da puta)... isso eu quero ver! E aí? CARRETILHA vc me pune.. CASCUDO sou expulso... e eles? E aí ?", disse pelo Twitter.

2 comentários:

UM HIPOCRITA,POIS SÓ ESCOLHE MULHERES BRANCAS.ATÉ AGORA NUNCA VI UMA ATITUDE SUA PARA DENFENDER AS CAUSAS NEGRAS , AGORA É VITIMA DA SUA PROPIA HIPOCRESIA.O PAI ESTA OFF(ENDIDO)

Fiquei em duvida:
Quando ele foi xingado ele não caiu não?

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More