SOBRAL RASTREADORES - (88) 99975.7272 / 99299.9212

domingo, 14 de março de 2021

Problema de saúde faz ministro Pazuello deixar cargo, diz jornal

Governo já estaria articulando troca no comando da pasta após pedido do atual gestor.

O governo do presidente Jair Bolsonaro discute uma troca no comando do Ministério da Saúde, com a saída do ministro Eduardo Pazuello nos próximos dias. Segundo o jornal O Globo, interlocutores do presidente revelaram que o atual chefe da pasta alegou problemas de saúde e pediu para deixar o cargo para se reabilitar.

De acordo com a publicação, pessoas próximas ao presidente teriam entrado em contato com dois médicos cardiologistas cotados para substituir Pazuello: Ludhmilla Abrahão Hajjar, professora associada da USP, e Marcelo Queiroga, presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia.

Segundo o jornal Folha de São Paulo, Ludhimila, que atua no Incor e na rede de hospitais Vila Nova Star, já desembarcou em Brasília para conversar com o presidente Jair Bolsonaro sobre a possibilidade de assumir o ministério no lugar de Eduardo Pazuello.

Sobre a saída de Pazuello, de acordo com O Globo, uma fonte teria confirmado que a mudança não ocorrerá por pressão de parlamentares, mas, segundo ele, por motivos de saúde. A fonte ainda teria informado que, se fosse para ceder ao Centrão, o escolhido seria o deputado federal Dr. Luizinho (PP-RJ), primeiro nome indicado pelo bloco.

No sábado, a troca no comando da pasta teria sido tratada em conversa de Bolsonaro com o presidente da Câmara, deputado Arthur Lira (PP-AL). No final do dia, Bolsonaro se reuniu com os ministros Eduardo Pazuello, Walter Braga Netto, Luiz Eduardo Ramos e Fernando Azevedo no hotel de Trânsito do Exército, onde mora Pazuello. (Pleno News)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More