249 ANOS! PARABÉNS SOBRAL!

segunda-feira, 29 de novembro de 2021

Crianças infectadas com Covid-19 em creche do Jaibaras, escola nega

Duas crianças de quatro anos foram infectadas com covid-19 em uma creche do Jaibaras. Os pais suspeitam que os filhos foram infectados por uma cuidadora que estava com a doença. Mesmo com a servidora infectada, e de quarentena, as aulas continuaram, o que pode ter colocado em risco a saúde das crianças.

De acordo com a mãe de uma das crianças infectadas, a cuidadora testou positivo e ficou em quarentena, mas as aulas continuaram e, uma semana depois, duas crianças testaram positivo. Mesmo com a contaminação das crianças, as aulas jamais foram suspensas. A diretoria da creche nega a contaminação na escola.

Pais de alunos da Creche Zuli Albuquerque, anexo da escola de Ensino Infantil e Fundamental Leonília Gomes Parente, no distrito de Jaibaras, estão revoltados com a posição da diretora de não suspender as aulas da creche depois que uma cuidadora e dois alunos testaram positivo para a covid-19. De acordo com a mãe de uma das crianças infectadas, a cuidadora testou positivo e ficou em quarentena, mas as aulas continuaram e, uma semana depois, seu filho outra criança testaram positivo. O resultado do exame de um dos alunos foi entregue na escola e mesmo assim, segundo a mãe, a coordenadora negou no grupo de whatsapp dos pais que houvesse casos de covid na unidade.
Os pais reclamam que foram suspensas apenas a sala de aula dos dois alunos. A madrinha do menino, Vanessa Marçal, atendente de loja, disse para o Portal Paraíso que o fato a motivou desabafar em um post nos stories de seu Instagram. “Eu fui entregar o resultado do exame e informar que o meu afilhado e outro coleguinha dele tinham testado positivo. Depois recebi um print na parte da tarde onde a coordenadora da creche informou no grupo dos pais que nenhuma das crianças tinha testado positivo” disse.
Alguns pais se recusaram levar seus filhos para a creche com medo de serem infectados. Antônia Sousa, mãe de uma aluna de quatro anos disse que não vai mais deixar sua filha na creche. “Não sou de acordo que as aulas continuem, não era nem para terem começado porque as crianças ainda não foram vacinadas. Como é que vai continuar as aulas com um monte de alunos todos juntos sem estarem vacinados?” disse Antônia Sousa.

O Portal Paraíso falou com Alice Vasconcelos Amorim, mãe do menino que teve o exame foi entregue na creche. “Eu acho que é muita irresponsabilidade delas não darem atenção e botar no celular que é mentira ou boatos sem elas nem virem aqui para saber do estado de saúde do meu filho. Nem a diretora e nem a coordenadora vieram aqui porque assim como eu assinei um termo se responsabilizando pela criança, elas também assinaram” disse a dona de casa. Ainda de acordo com Ana Alice seu filho é de risco porque sofre de asma assim como seu esposo que está dormindo na casa de sua tia porque não pode ter contato com o filho.

A mãe do outro aluno que testou positivo também se manifestou nas redes sociais contra a atitude da creche.
O Portal Paraíso foi no Centro de Saúde Leda Prado para saber a situação de casos de covid no distrito, mas os funcionários não receberam a equipe de reportagem. A creche, que na sexta-feira (26/11) estava fazendo teste em pais e alunos, também não recebeu a reportagem.

Por Edwalcyr Santos / Sistema Paraíso

1 comentários:

mentira, a professora tá vacinada portanto não pega covid. Ou as vacinas não funcionam? pq uma mae falou que so levaria o filho se tivesse vacinado mas a professora está. Vcs precisam alinhar as narrativas

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More