terça-feira, 26 de julho de 2022

Governo projeta queda de R$ 0,10 no preço do diesel após decreto

Com ato normativo publicado na última sexta-feira (22/7), o governo federal projeta diminuição de R$ 0,10 no preço do diesel e da gasolina. A redução é consequência do Decreto nº 11.141/2022, que altera o prazo para cumprimento das metas ambientais pelas distribuidoras de combustíveis.

“Na prática, esperamos redução adicional de até 10 centavos no preço da gasolina e do diesel. Ou seja, combustível mais barato, e agora também no diesel”, disse o ministro de Minas e Energia, Adolfo Sachsida, no Twitter.

De acordo com o último levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), da semana passada, o preço médio do diesel estava em R$ 7,44, o que representa queda de 1,72% desde o fim de junho.

O valor é inferior à queda no preço da gasolina ocorrido no mesmo período, que caiu cerca de 20%. O preço médio da gasolina comum fechou a semana em R$ 5,89.

Com a nova decisão, as empresas terão até 31 de março para comprovar a meta de Créditos de Descarbonização (CBIOs), definida pela Política Nacional de Biocombustíveis (RenovaBio). Anteriormente, o prazo era até 31 de dezembro do ano corrente.

A meta é obrigatória para a compensação da emissão de gases do efeito estufa. Com o adiamento, caiu o preço do CBIOs, que ultrapassava os R$ 200 em junho. Já na quinta-feira (21/7), o ativo era vendido a R$ 97 na bolsa de valores.

(Metroópoles)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More