sábado, 10 de setembro de 2022

Cantor de forró é preso por dívida de pensão alimentícia pouco antes de iniciar show em Fortaleza

O cantor Andrezinho de Ouro, conhecido por passagem na banda Forró Pé de Ouro, foi preso na noite dessa sexta-feira (9), em um restaurante, localizado no bairro Antônio Bezerra, em Fortaleza. O motivo foi atraso nos valores de pensões alimentícias.

Andrezinho relatou que arrumava os equipamentos de som quando uma das ex-companheiras dele chegou ao local com a ordem de prisão, acompanhada por policiais. A dívida total do cantor está avaliada em R$ 58 mil. Segundo informações do Diário do Nordeste, o artista está detido na Delegacia de Capturas e Polinter (Decap).

O cantor possui duas ações de pensão alimentícia: uma no valor de de R$ 1,9 mil mensais, em Caucaia; e outra no valor de R$ 1,2 mil, em Fortaleza.

Cantor se diz injustiçado

Em vídeo publicado nas redes sociais, Andrezinho de Ouro disse se sentir injustiçado. “Estou aqui preparando para fazer um show. Infelizmente, estou sendo conduzido, vou ser preso agora. Porque há muito tempo eu venho sofrendo uma injustiça, da Justiça de Caucaia e Fortaleza”, declarou.

O cantor também relatou que ganhava um bom salário, mas que a renda caiu quando iniciou a carreira solo. Andrezinho de Ouro afirmou ter sofrido o impacto do coronavírus na carreira. “Também veio a pandemia, que eu passei dois anos sem trabalho. Vários outros problemas. Deu uma baixa na minha condição”, relatou.

(CN7)

1 comentários:

Pois é, pensão alimentícia é sagrada! O pior que os filhos além de não ter afeto do pai no dia a dia ainda tem que passar por essa negação de o pai não querer contribuir com a pensão alimentícia. Fazer filho é bom, né? Pois agora arque com as consequências!

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More