ATENÇÃO! NÃO PERCA SEU VEÍCULO PARA A BANDIDAGEM!

ADQUIRA JÁ O RASTREADOR E BLOQUEADOR EM TEMPO REAL: FALE COM O KELTON: (88) 99975.7272/99299.9212. CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2019

MARIDO SOLTA PIT BULL PARA LIVRAR ESPOSA DE BANDIDOS E CÃO NÃO PERDOA

Um cão, o pit bull Taurus, mostrou que não mede esforços pelo bem estar de sua família, salvou a dona de assaltantes.
O caso que aconteceu em Vilhena, Roraima, ganhou repercussão em todo o Brasil, depois que a história da bravura de Taurus se espalhou pelas rede sociais.

A dona do Taurus que não quis ser identificada, contou que trabalha em uma padaria, e o expediente começa mais cedo aos finais de semana, então ela saiu de casa por volta das 5h20 da manhã, quando ainda era noite. O marido ficou observando do portão, enquanto ela se dirigia ao trabalho.

Na esquina ela foi abordada por três criminosos que estavam em bicicletas, e eles pediram o celular e a bolsa e mandaram ela não gritar.

Ao perceberam que ela não carregava celular e não tinha dinheiro os bandidos começaram a agredi-la e até apalpá-la, ela chegou a cair no chão.

“Eu não estava levando o celular para o trabalho, mas o homem que estava na garupa da bicicleta, desceu e me deu uma gravata por trás. Enquanto ele estava com um braço no meu pescoço, ele apalpava meu corpo com a outra mão, procurando o celular”, relata.

O marido então soltou o pit bull da família, e Taurus entendendo o perigo que a dona estava passando, correu rapidamente e avançou nos homens que subiram nas bicicletas e conseguiram fugir.

“Depois de me apalpar e não encontrar nada, ele me derrubou no chão e me deu um soco na cabeça. Quando cai, bati as costelas no meio-fio e comecei a gritar. Meu marido soltou o Taurus [cachorro] e veio junto com ele, na minha direção. O Taurus veio latindo, muito bravo. Nisso, os bandidos montaram nas bicicletas e fugiram”, lembra.

A família ficou ainda mais apaixonada pelo melhor amigo, que agora é visto como um herói.

“É uma sensação de raiva, de nojo. Ele apalpou meu corpo, procurando meu celular. A gente acorda de madrugada, para conseguir o pão de cada dia, e vem alguém nos roubar”, lamenta uma balconista, de 23 anos. O crime foi registrado pela Polícia Militar (PM) no domingo (10), em Vilhena (RO), na região do Cone Sul.

(Maetips)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More