ATENÇÃO! NÃO PERCA SEU VEÍCULO PARA A BANDIDAGEM!

ADQUIRA JÁ O RASTREADOR E BLOQUEADOR EM TEMPO REAL: FALE COM O KELTON: (88) 99975.7272/99299.9212. CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS

quinta-feira, 14 de novembro de 2019

Prefeito de Colatina (ES) pega fila e espera um mês para ser atendido em consulta

"Eu tenho que sentir a realidade da população. O político tem que sentir na carne o que esse povo enfrenta", afirmou.

O prefeito Sergio Meneguelli administra a cidade de Colatina, município com cerca de 100 mil habitantes localizado no coração do Espírito Santo, desde 2017. Nos últimos dois anos, ele já foi notícia aqui no Razões diversas vezes.

No ano passado, ele cancelou as festividades do Carnaval e destinou sua verba – cerca de R$ 200 mil – para a construção de uma escola rural em uma região carente de vagas para crianças e adolescentes.

“Quando a gente gosta, a gente trata bem. Eu gosto da minha cidade e eu não vejo nada demais em fazer isso aqui. Hoje é sábado, dia de relaxar, então cada sábado estamos fazendo dois, três canteiros com dinheiro que conseguimos de empresários (…) Isso vai aumentando a autoestima do cidadão, porque a minha missão é fazer esse povo ser feliz. Eu não sou prefeito, eu estou prefeito”, disse na ocasião.

Pouco depois, foi visto ‘aprontando’ novamente, pintando uma Amarelinha na rua à noite, logo após seu expediente.


Prefeito aguarda atendimento em posto de saúde

Na última quinta-feira (7), Sergio foi visto por um morador aguardando na fila de atendimento em um posto de saúde.

O encontro surpreendeu o homem, que naturalmente resgatou à memória que os políticos, em geral, frequentam luxuosos hospitais particulares, bem distantes da realidade da maioria esmagadora da população.

“Estou aqui aguardando uma consulta e foi surpreendido com a presença do prefeito Sergio Meneguelli, aguardando também como se fosse um ‘cidadão comum’.”

Imediatamente, Sergio o interrompe e diz: “Como se fosse não, meu amigo… Eu sou um cidadão comum!“. E complementa: “Tem mais de um mês que estou esperando esse exame”.

“Eu tenho que sentir a realidade da população. O político tem que sentir na carne o que esse povo enfrenta”, afirmou.

A fila anda e o prefeito se despede: “Tá chegando minha vez!“.

Fonte: RAZÕES PARA ACREDITAR

2 comentários:

Esta de parabéns esse prefeito,pedir que os políticos seguissem esse exemplo seria até uma utopia.

A SE ESSE PREFEITO FASSE NA MERUOCA A QUIR NA MERUOCA NADA TEM NÃO TEM MEDICO NÃO TEM REMEDIO SÓ TEM FESTA CACHASSA PARA OS BEBOS

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More