ATENÇÃO! NÃO PERCA SEU VEÍCULO PARA A BANDIDAGEM!

ADQUIRA JÁ O RASTREADOR E BLOQUEADOR EM TEMPO REAL: FALE COM O KELTON: (88) 99975.7272/99299.9212. CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS

BLOG SOBRAL 24 HORAS: + DE 204 MILHÕES DE VISUALIZAÇÕES!

quarta-feira, 25 de março de 2020

Petrobras decide cortar o preço da gasolina em 15%

Preço do diesel não terá redução.
A Petrobras anunciou nesta terça (24) novo corte no preço da gasolina, em resposta à redução das cotações internacionais do petróleo em meio à pandemia do novo coronavírus. Desta vez, a queda será de 15%. O preço do diesel não será alterado.

É o oitavo corte no preço da gasolina em 2020 -o terceiro em um período de doze dias. No ano, o preço de venda do combustível nas refinarias da estatal acumula queda de 40%. O diesel, que teve sete cortes, já caiu 29%.

Com a decisão anunciada nesta terça, o preço médio de venda nas refinarias da estatal passará a R$ 1,1458 por litro, o menor valor desde outubro de 2011, de acordo com levantamento feito pelo CBIE (Centro Brasileiro de Infraestrutura).

Desde a semana passada, diante das perspectivas de redução da demanda com as medidas de isolamento social para enfrentar a pandemia, o petróleo Brent, referência global negociada em Londres, vem sendo negociado em níveis do início dos anos 2000.

O repasse às bombas depende de estratégias comerciais de postos e distribuidoras e de políticas tributárias dos estados. Segundo a Petrobras, o preço de refinaria representa 27% do valor de venda da gasolina nos postos.

O resto são margens de lucro e impostos federais e estaduais. O ICMS, cobrado pelos estados, representa 30% do preço final e é revisto uma vez a cada 15 dias, retardando o repasse ao consumidor dos reajustes nas refinarias.

De acordo com dados da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis), o preço médio da gasolina nos postos brasileiros caiu apenas 1,5% desde o início do ano -de R$ 4,555 na última semana de dezembro para R$ 4,486 por litro na semana passada. Com cara tributária menor, o diesel vem caindo mais nas bombas. Entre o fim de 2019 e a semana passada o preço médio do combustível nos postos passou de R$ 3,751 para R$ 3,586 por litro, redução acumulada de 4,4%.

Na segunda (23), a Fecombustíveis (Federação do Comércio Varejista de Combustíveis e Lubrificantes) disse à reportagem que os postos já vêm sentido queda no consumo após o início das medidas de isolamento social em alguns estados brasileiros. Em São Paulo, por exemplo, as vendas na quinta (19), foram 39% menores do que a média histórica para a cidade.

(Folhapress)

1 comentários:

Cara senão tô enganado eu não vi redução do preço da gasolina aqui em Sobral não, porém se alguém viu essa redução em algum posto fala aí pra nós.

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More