SOBRAL RASTREADORES - (88) 99975.7272 / 99299.9212

domingo, 24 de janeiro de 2021

Em dia de ato pró-impeachment, "Todos Com Bolsonaro" lidera no Twitter

A hashtag “Todos Com Bolsonaro” atingiu o topo dos assuntos mais comentados do Twitter, na manhã deste domingo (24).

Milhares de usuários da rede social declararam apoio ao presidente da República, que vem sendo alvo de vários pedidos de impeachment por parte da oposição.

Até 15h de hoje, o tuitaço já registrava 80 mil publicações na rede social.

Do outro lado, a oposição anunciou a organização de diversas carreatas pelo país contra o chefe Executivo após acusar o governo de omissão na aprovação de vacinas contra a Covid-19 por parte da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e responsabilizar o Ministério da Saúde pela falta de cilindros de oxigênio nos hospitais de Manaus/AM.

Apesar disso, pouco movimento foi registrado nas redes sociais. Perfis influentes chegaram a veicular algumas imagens e vídeos dos protestos, mas sem maiores fluxos.

Desde o início da pandemia no Brasil, que teve os primeiros registros em março de 2020, diversos grupos contrários ao governo Bolsonaro têm articulado atos contra o presidente da República. Percebe-se, porém, que os atos são cada vez menores, independentemente das narrativas adotadas.

Seja nas redes sociais ou nas ruas, o cenário pró-impeachment não avança, uma vez que não há pressão popular suficiente para desencadear um debate aprofundado sobre o assunto junto ao Congresso.

Fonte: Conexão Política

3 comentários:

Eu também apoio BOLSONARO.
Fica a pergunta: Se fosse o PT que tivesse no poder? Como estaria a situação do país?!!

Sou BOLSONARO mas não escondo de ninguém. Se fosse PT no poder não existia COVID 19, o povo estaria morrendo do mesmo jeito, só eles não divulgava a verdadeira causa das mortes, porque a esquerda sempre mentia como mente ate hoje, por isso digo chora bebe porque a mamada acabou e o desespero é grande para voltar ao poder para continuar a corrupção no país.

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More