terça-feira, 24 de janeiro de 2023

BNDES: Venezuela e Cuba devem mais de R$ 2,7 bilhões

O dinheiro dessas dívidas são custeados pelo Tesouro Nacional.
O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) fez empréstimos para Venezuela e Cuba que não foram pagos. O valor total das dívidas é de 529 milhões de dólares, o que passa de R$ 2,7 bilhões.

A quantia é 25% do que foi emprestado aos países durante os governos de Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff.

Como os países amigos do Partido dos Trabalhadores deram calote, o Tesouro Nacional cobriu as dívidas.

Para se ter uma ideia, dos 656 milhões de dólares emprestados a Cuba, 407 milhões ainda estão por vencer. Vale lembrar que o governo federal aceitou charutos cubanos como garantia para o empréstimo do dinheiro que ajudou a construir o Porto de Mariel.

O Fundo de Garantia à Exportação (FGE), que é custeado pelo Tesouro, teve que quitar 211 prestações atrasadas. Outras 13 ainda estão por pagar.

Já na Venezuela foram 122 milhões de dólares em aberto. O FGE já custeou 641 prestações com dinheiro do contribuinte brasileiro. Outras 41 parcelas estão por pagar.

(Pleno News)

2 comentários:

Vergonha aqui em Sobral, nos professores temporários estamos sendo obrigados pelos diretores a trabalhar agora em janeiro e não vamos receber nenhum real em Fevereiro. A educação de qualidade que não valoriza os professores.

eita Lula, tu vai fuder o Brasil de novo

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More