quinta-feira, 19 de janeiro de 2023

Cabral tem novo benefício e agora pode andar livremente na rua, obrigação se restringe a dormir em casa

A Justiça Federal do Paraná decidiu nesta terça-feira (17) substituir a prisão domiciliar do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral por recolhimento noturno e em dias de folga. O político deverá continuar usando tornozeleira eletrônica.

Segundo a determinação, o recolhimento e o uso do monitoramento eletrônico será: entre 19h e 6h, em dias úteis, e o dia todo, nos feriados e fins de semana. A decisão é da juíza Gabriela Hardt, da 13ª Vara Federal de Curitiba e atende a pedido da defesa de Cabral.

A Justiça Federal do Paraná decidiu nesta terça-feira (17) substituir a prisão domiciliar do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral por recolhimento noturno e em dias de folga. O político deverá continuar usando tornozeleira eletrônica.

Segundo a determinação, o recolhimento e o uso do monitoramento eletrônico será: entre 19h e 6h, em dias úteis, e o dia todo, nos feriados e fins de semana. A decisão é da juíza Gabriela Hardt, da 13ª Vara Federal de Curitiba e atende a pedido da defesa de Cabral.

À Justiça Federal do Paraná, a defesa de Cabral argumentou que o Supremo foi claro ao dizer que poderiam ser aplicadas apenas outras medidas cautelares diferentes da prisão.

Consultado, o Ministério Público Federal (MPF) foi contra atender ao pedido da defesa.

(Terra Brasil Notícias)

0 comentários:

Postar um comentário

Comente esta matéria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More