CONTRATA-SE COLABORADORA (BLOG SOBRAL 24 HORAS) - CURRÍCULO PARA: aparecidafeijao@gmail.com

NÍVEL SUPERIOR EM: JORNALISMO, DIREITO, ADMINISTRAÇÃO, LETRAS OU PEDAGOCIA. 
OBS: CURRÍCULO COM FOTO

Mostrando postagens com marcador Educação. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Educação. Mostrar todas as postagens

terça-feira, 9 de julho de 2024

Ação do MP do Ceará cobra que Prefeitura de Moraújo regularize frota de transporte escolar

O Ministério Público do Estado do Ceará, por meio da Promotoria de Justiça Vinculada de Moraújo, ajuizou, na última sexta-feira (05/07), Ação Civil Pública (ACP) na qual cobra que a Prefeitura de Moraújo regularize a situação de toda a frota de transporte escolar do município. A ACP foi protocolada após o Departamento Estadual de Trânsito (Detran/CE) reprovar os sete veículos utilizados no transporte de estudantes em Moraújo durante inspeção realizada em fevereiro deste ano.

Segundo o Núcleo de Fiscalização e Operações de Transporte do Detran/CE, nenhum dos ônibus vistoriados atendeu às condições mínimas estabelecidas no Código de Trânsito Brasileiro. Entre as irregularidades encontradas, estão a ausência de cintos de segurança, de vidros nas janelas e até mesmo de bancos para os estudantes se sentarem.

Ao tomar conhecimento da situação, o MP do Ceará buscou, através de recomendação expedida em junho deste ano, que o Poder Executivo municipal regularizasse a situação. O Ministério Público, no entanto, não obteve resposta por parte da administração municipal.

A Promotoria de Justiça Vinculada de Moraújo ainda constatou que, no mesmo período, a Prefeitura da cidade gastou R$ 1,8 milhão com a realização do “MoraFolia”, festa de carnaval realizada este ano. Além disso, também foi observado que o Poder Executivo da cidade não cumpriu determinações judiciais para o fornecimento de fraldas e de cadeiras de rodas a cidadãos em situação de vulnerabilidade social que moram no município.

“Evidencia-se uma clara falta de disposição da gestão municipal de Moraújo em implementar as políticas públicas sob sua responsabilidade. Diante disso, não restou alternativa ao Ministério Público senão recorrer ao Poder Judiciário para que o município seja compelido a realizar as adequações necessárias em sua frota de veículos utilizados no transporte escolar”, frisou o MP do Ceará na ACP.

Na ação, a promotora de Justiça Silvia Duarte Leite Marques ressaltou que “não pode o Estado, à vista de tal desvirtuamento de valores, aceitar a continuidade do status quo instituído, pois, se fechássemos os olhos, estaríamos atestando que os direitos fundamentais e as políticas públicas coletivas são de ordem secundária, autorizadas a existir somente se os cidadãos comuns aceitarem serenamente e sem questionamentos a supremacia de seus políticos e seus interesses populistas, esperando receber, ao fim, o mínimo possível”, disse.

Na ação, o MP do Ceará ainda pediu que a Prefeitura de Moraújo pague multa de R$ 25 mil por dia de descumprimento de possível decisão judicial favorável ao pedido do Ministério Público.

(MP/CE)
Foto ilustrativa

quinta-feira, 20 de junho de 2024

Ônibus universitário quebrado em Pires Ferreira gera revolta

Os estudantes e seus familiares estão preocupados com a recorrência dos problemas e cobram uma solução definitiva das autoridades competentes.
Na tarde desta quarta-feira, um ônibus universitário que faz a rota entre Pires Ferreira e Sobral foi encontrado quebrado na estrada CE-362, conhecida como Ceará, deixando dezenas de estudantes sem transporte. O incidente foi relatado pelo advogado José Augusto, que, ao prosseguir viagem naquela estrada, encontrou o veículo parado e compartilhou a situação em suas redes sociais.

Segundo o advogado, não é a primeira vez que o ônibus apresenta problemas mecânicos, prejudicando os alunos que dependem do transporte para chegar à universidade. "É lamentável ver essa situação se repetir. Os estudantes já relataram quebras frequentes e falta de manutenção no veículo, o que demonstra um descaso com a educação e segurança dos alunos", comentou José Augusto em um vídeo postado em seu perfil.

Os estudantes que utilizam o ônibus universitário afirmam que este tipo de ocorrência não é isolada. "Já perdemos a conta de quantas vezes o ônibus quebrou no meio do caminho. A gente acaba chegando atrasado nas aulas, ou até mesmo perdendo o dia de estudo", relatou um dos alunos afetados.

A falta de manutenção adequada no veículo é um dos principais pontos de reclamação. Os estudantes e seus familiares estão preocupados com a recorrência dos problemas e cobram uma solução definitiva das autoridades competentes. "Precisamos de um transporte confiável e seguro. Não podemos continuar assim", afirmou outro estudante.

A reportagem ressalta que o espaço está aberto para manifestações das autoridades responsáveis. A situação levanta questões sobre a qualidade dos serviços públicos oferecidos aos estudantes da região e a necessidade urgente de melhorias.

Enquanto isso, os alunos continuam enfrentando a incerteza e o risco de novos imprevistos em suas jornadas diárias, aguardando por uma resposta concreta e uma solução permanente para o problema.

Fonte: A Voz Sta. Quitéria

segunda-feira, 10 de junho de 2024

Inscrições no Enem 2024 termina nesta sexta-feira (14)

A Secretaria Estadual de Educação (Seduc) orienta os estudantes para o prazo de inscrições no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2024 até a próxima sexta-feira (14). O prazo foi prorrogado até esta semana pelo Ministério da Educação (MEC) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), permitindo que quem perdeu o prazo consiga se inscrever.

Outras datas que fazem parte do cronograma do exame também foram ajustadas. As solicitações de atendimento especializado e tratamento por nome social também seguem até 14 de junho. O pagamento da taxa de inscrição termina no dia 19 de junho.


O Inep aplicará as provas nos dias 3 e 10 de novembro.

Têm direito à isenção da taxa de inscrição estudantes do último ano do Ensino Médio de escolas públicas, pessoas que já completaram todo o Ensino Médio em escola pública, além de bolsistas integrais de escolas particulares e pessoas em situação de vulnerabilidade econômica com registro no CadÚnico.

Os resultados das solicitações de isenção, assim como dos recursos que tratam das justificativas de ausência no Enem 2023 para candidatos que estavam isentos da taxa e faltaram às provas, já estão disponíveis na Página do Participante.

Em Mato Grosso, mais de 36,8 mil estudantes da Rede Estadual de Ensino, que estão concluindo o Ensino Médio na modalidade regular ou Educação de Jovens e Adultos (EJA), estão aptos a realizar as provas.

As provas serão aplicadas com questões de múltipla escolha e uma redação. No momento da inscrição, o estudante deverá escolher entre o inglês e o espanhol para a prova de língua estrangeira. O Enem avalia o desempenho escolar dos estudantes ao término da educação básica e é a principal porta de entrada para a educação superior no país.

Os resultados da avaliação podem ser usados para acesso ao Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e ao Programa Universidade para Todos (ProUni). Também são aceitos em instituições privadas e de outros países de língua portuguesa que tenham acordo com o Brasil.

Neste ano, com o programa Pé-de-Meia, do Governo Federal, estudantes beneficiados pela política pública receberão R$ 200 após participarem das provas do Enem.

Apesar do Enem ser voltado para os estudantes que estão concluindo o Ensino Médio, ele pode ser feito por qualquer pessoa que já concluiu o Ensino Médio, de qualquer faixa etária.

Folha do Estado

sexta-feira, 31 de maio de 2024

Enem: PF investiga falso site criado para “roubar” taxa de inscrição

A Polícia Federal foi acionada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) para investigar um falso site que simula o canal oficial de inscrições do Enem 2024 para aplicar golpes. 

O “modus operandi” dos golpistas é um clássico no ambiente virtual: os criminosos colocam no ar uma página falsa que se assemelha à verdadeira Página do Participante do Enem, na qual as inscrições são feitas. 

Nesse mesmo site, os estudantes precisam apenas preencher um campo com o CPF e, logo em seguida, são direcionados para uma aba de pagamentos, simulando a taxa de inscrição do certame. 

Objetivo dos golpistas 

O Enem é uma das principais portas de entrada para a educação superior, utilizado por instituições públicas e privadas como critério de seleção. A taxa de inscrição custa R$ 85 e, em 2023, recebeu mais de 2,7 milhões de inscrições. 

A meta dos golpistas era confundir os estudantes para que fizessem o pagamento por meio do falso site. 

Em nota, o Inep alertou os alunos sobre o golpe, informando também que a Polícia Federal foi acionada para investigar o caso e derrubar a plataforma. No momento da publicação desta reportagem, o site dos golpistas não estava mais no ar. 

A página oficial para realizar a inscrição do Enem é enem.inep.gov.br/participante

* Com informações do Metrópoles

quarta-feira, 22 de maio de 2024

Santa Catarina é o estado com menor taxa de analfabetismo no Brasil

Estado registrou a menor taxa de analfabetismo do país, com apenas 2,67% entre pessoas de 15 anos ou mais; média no Brasil ficou em 7%.
Santa Catarina tem a menor taxa de analfabetismo do país entre pessoas de 15 ou mais: apenas 2,67% não sabem ler ou escrever. A taxa de analfabetismo do estado é a menor entre todas as unidades da federação do país. No Brasil, o índice ficou em 7%, com 11,4 milhões de pessoas analfabetas. Os números foram revelados nesta sexta-feira, 17, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e são referentes ao Censo de 2022.

Comparada ao Censo 2010, a taxa de analfabetismo em SC sofreu queda de 1,7 ponto percentual. Há 12 anos, eram 4,1% das pessoas com 15 anos ou mais, que não sabiam ler ou escrever. Em números absolutos, a redução foi de 37.266 pessoas analfabetas no período.

“Estar alfabetizado é ter dignidade. É uma porta aberta pra acessar mais conhecimento, mais informação, ter autonomia. Em Santa Catarina a gente investe na educação de qualidade da base ao ensino superior. Pra formar cidadãos integrais, pra que possam ir atrás dos seus sonhos, ter uma profissão, pra que acessem um emprego”, disse o governador Jorginho Mello.

A Secretaria de Estado do Planejamento (Seplan) celebra o resultado catarinense, que evidencia um progresso significativo na área de educação e desenvolvimento humano. Segundo o secretário do Planejamento, Edgard Usuy, a alfabetização está ligada ao desenvolvimento socioeconômico do estado. “Crianças que crescem em ambientes onde os adultos são alfabetizados têm melhores desempenhos escolares, melhores oportunidades no mercado de trabalho, o que perpetua um ciclo virtuoso de desenvolvimento educacional e socioeconômico. Hoje vemos que em Santa Catarina, a taxa de alfabetização além de ser a maior do Brasil é também maior que a média da OCDE, o que vai nos propiciar um futuro com mais inovação, mais empregos, maior produtividade e, assim, maior rendimento para as famílias catarinenses.”

Investimentos estaduais

O Governo de Santa Catarina tem investido continuamente em políticas públicas voltadas para a educação básica e a erradicação do analfabetismo, proporcionando recursos e apoio tanto para crianças quanto para adultos que não tiveram a oportunidade de se alfabetizar anteriormente.

Desde o primeiro ano da nova gestão, a Secretaria de Estado da Educação trabalha na construção da Política de Alfabetização do Território Catarinense, em regime de colaboração com a União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime/SC) e outras instituições. Além disso, o Estado tem a oferta contínua de turmas de alfabetização dentro dos 40 Centros de Jovens e Adultos (Cejas) e de 52 unidades prisionais.

“Os esforços conjuntos entre Governo, sociedade civil e instituições privadas têm sido essenciais para alcançarmos esses resultados. Continuaremos a investir em educação como um meio de garantir um futuro mais próspero e justo para todos os catarinenses”, destacou o secretário da Educação, Aristides Cimadon.

Município com a menor taxa do país é catarinense

Dos mais de 5,5 mil municípios brasileiros, São João do Oeste é a cidade com a menor taxa de analfabetismo do país. O município do Extremo Oeste catarinense teve uma taxa de menos de 1% em 2022. Além disso, dos 10 municípios brasileiros com a menor taxa de analfabetismo, quatro são catarinenses. Florianópolis é o 10º município brasileiro com menor taxa de analfabetismo e é a Capital com a menor proporção de pessoas de 15 anos ou mais que não sabiam ler e escrever.

(Jornal Razão)

sexta-feira, 3 de maio de 2024

UNIVERSITÁRIOS DENUNCIAM A FALTA DE ÔNIBUS ESCOLAR NO DISITRO DE SALGADO DOS MACHADOS, EM SOBRAL

"Anuncia ou denuncia aí, ao responsável pelo transporte universitário de Sobral . O distrito Salgado dos Machados está sem ônibus para levar os universitários para a faculdade. Precisamos de um ônibus que nos transporte! Nossa vida já é tão sofrida, queremos melhorar algum dia ao concluir nosso curso superior. Há 2 anos atrás o ônibus deixava alunos na anhanguera, Luciano Feijão, Uninta, Uninassau, Uva, Ufc. Saia do distrito Salgado dos Machados às 18h, pois as aulas começam às 19h. Pedimos que venha um ônibus e saia nesse mesmo horário de 18h. Solicitamos!"

quarta-feira, 6 de março de 2024

UNINTA DE PORTAS ABERTAS; VÍDEO

O UNINTA realizou na noite desta terça-feira (5) a entrega mais uma edição do evento UNINTA DE PORTAS ABERTAS. A solenidade contou com a palestra do Chanceler do UNINTA Dr. Oscar Rodrigues que homenageou os empresários sobralenses pela contribuição e consolidação no mercado em diversas áreas. Também estiverem presentes a vice-reitora do UNINTA Dra. Lara Rodrigues e representantes de outras mantidas pela AIAMIS, além de vários empresários sobralenses.

domingo, 3 de março de 2024

DENÚNCIA DO INTERNAUTA: ALÔ SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DE SOBRAL!

"Alô órgãos competentes, o Anexo escolar do Distrito Salgado dos Machados está em condições precárias para atender as crianças. Quando chove entra água nas salas de aula, poucos funcionários para fazer a limpeza, paredes do anexo com infiltração e rachaduras, Ventiladores sem funcionar. Onde está a fiscalização, vão deixar acontecer o pior para tomar as providências? Alô secretário de Educação, vamos tomar providências, nosso filhos e professores merecem mais atenção e apoio."

terça-feira, 6 de fevereiro de 2024

Aluna da EJA é aprovada em Letras na UFC após ficar quase 20 anos longe da escola

Aos 42 anos, Walkilene Rodrigues Gomes conseguiu realizar o desejo antigo de concluir os estudos básicos e ingressar no Ensino Superior. Hoje trabalhando como diarista, a estudante foi aprovada em Letras na Universidade Federal do Ceará, depois de cursar a Educação de Jovens e Adultos (EJA) na Escola de Ensino Médio em Tempo Integral (EEMTI) Mirian Porto Mota, em Fortaleza. Walkilene havia interrompido a formação acadêmica em 2002, com a chegada da primeira filha, logo após concluir o nível Fundamental. Divulgou o site oficial da SEDUC (Secretaria da Educação do Ceará).

“Depois de um tempo, resolvi voltar a estudar, para dar um bom exemplo às minhas filhas. A preparação para o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) foi desafiadora, conciliando trabalho, família e estudo. Reservei um tempo diário para revisões, exercícios e aulas preparatórias, enfrentando a ansiedade e buscando técnicas de controle emocional. Persistência e determinação foram cruciais para eu alcançar o meu objetivo. Foi difícil, mas consegui”, relembra.

Para pessoas que têm uma realidade de vida equivalente, e que compartilham do mesmo sonho, Walkilene recomenda apostar na crença de que é possível. “Persista, mesmo com a pausa dos estudos. Não desista, peça ajuda e use os recursos disponíveis. Não se preocupe com o tempo parado. Cada passo conta. Confie em si mesmo. Tenha coragem e transforme seus sonhos em realidade”, ressalta.

A escolha do curso de Letras, de acordo com Walkilene, se deveu à afinidade com a área da linguagem e a literatura. “Percebi o poder das palavras para expressar emoções e conhecimentos”, revela.

As condições oferecidas pela escola foram fundamentais, na visão da estudante, para que a preparação desse o resultado esperado. “É um ambiente agradável e acolhedor, que deu suporte no meu retorno aos estudos. Encontrei apoio dos professores e colegas, o que me fez sentir integrada e motivada. Recebi orientação, com recursos e estratégias para superar desafios, tendo um incentivo constante para a aprendizagem. Isso estimulou minha curiosidade e me ajudou a enfrentar os obstáculos com confiança e perseverança”, finaliza.

A Voz de Santa Quiteria

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More